POLÍCIA

Ex-chefe da PC alerta para risco de colapso

BELO HORIZONTE (MG) - A Polícia Civil (PC) corre o risco de entrar em colapso em breve, caso o governo não faça investimentos estruturais na instituição. O alerta foi feito pela ex-chefe de Polícia Andréa Cláudia Vacchiano aos deputados da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). A questão pautou audiência pública realizada nesta terça-feira (19), para tratar da precariedade das delegacias no interior do Estado.
Vacchiano ocupou o cargo durante sete meses em 2016. Ela contou que faltam viaturas e estrutura física mínima, mas que foi feito um planejamento estratégico para a realização de de obras, investimentos e compras. “A crise financeira do Estado interrompeu as melhorias. Há cidades, por exemplo, onde a população ajudou na conclusão de obras. A Polícia Civil corre risco de entrar em colapso, principalmente por ingerência política”, disse.
A ex-chefe de Polícia defendeu que é preciso definir prioridades na aplicação de recursos, tendo em vista que o efetivo é reduzido e a instituição precisa ser modernizada. No período em que esteve no cargo, cerca de 950 novos servidores passaram a compor os quadros da Polícia Civil, mas a promessa era de nomeação de mais de 14 mil, segundo ela. “Os 1.300 concursados que aguardam nomeação não vão suprir a real necessidade do Estado. A Polícia Civil é o segundo órgão arrecadador do Estado e, ainda assim, sofre com falta de recursos”, lamentou.
Déficit
O presidente do Sindicato dos Delegados, Marco Antônio de Paula Assis, lembrou que o quadro da Polícia Civil deveria ser composto de 19 mil servidores, mas, hoje, são apenas 8,7 mil. Segundo ele, os delegados estão sobrecarregados, pois são obrigados a assumir a responsabilidade por diversas cidades.
O presidente do Sindicado dos Policiais Civis, Denílson Martins, chamou atenção para o fato de a Lei Orgânica da Polícia Civil (Lei Complementar 129, de 2013) ter sido sancionada há quatro anos, mas não estar sendo cumprida. De acordo com ele, a norma garante autonomia orçamentária e financeira para a Polícia Civil, mas isso não estaria ocorrendo na prática. “A carência de efetivo é grande e provoca um sucateamento em cadeia”, alertou.
Crise na Defesa Social
Representantes da classe da Polícia Militar (PM) prestaram solidariedade aos colegas da Polícia Civil. Na avaliação do presidente da Associação dos Servidores do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar (Ascobom), Alexandre Rodrigues, trata-se de um problema de segurança pública. De acordo com ele, a Polícia Militar precisa da Civil para dar sequência ao seu trabalho. Em seu relato, destacou que, quando uma corporação para, a outra se inviabiliza.
O presidente da Associação dos Cabos e Soldados, cabo Álvaro Coelho, também se mostrou indignado com o caos estrutural da Polícia Civil e criticou a falta de prioridade do governo com as forças de segurança. Para ele, a sociedade precisa reagir, uma vez que o sucateamento das polícias se reflete diretamente na vida das pessoas.
Falta de investimentos
O presidente da comissão, deputado Sargento Rodrigues (PDT), afirmou que as polícias estão em estado de calamidade estrutural. De acordo com ele, houve uma redução significativa dos recursos do governo para investimento e custeio das corporações, principalmente desde 2016.
Ele lamentou a ausência de representantes da Polícia Civil na reunião e criticou o fato de o Estado enfrentar dificuldades financeiras e, ainda assim, ter um excessivo número de cargos comissionados na administração. “Esse desequilíbrio afeta, por exemplo, a nomeação de concursados para ocupar cargos deficitários da Polícia Civil. Os delegados do interior relatam a precariedade e sucateamento da estrutura, o que demonstra o descaso do atual governo”, salientou. Sargento Rodrigues também lembrou a necessidade de regulamentação da Lei Complementar 129.
O deputado Cabo Júlio (PMDB) lembrou que a crise nas forças de segurança se reflete no aumento da criminalidade. Segundo ele, o problema é antigo e vem se agravando. “A realidade da Polícia Civil é absurda. Isso atinge todo o sistema de defesa social, uma vez que a PM também sofre com essa carência estrutural”, reforçou.
Ele se comprometeu a cobrar ainda mais o Poder Executivo sobre o problema. “Já disse ao governador Fernando Pimentel que, um dia, essa bomba vai explodir. Aí, ninguém sabe o que pode acontecer”, afirmou.
O deputado Lafayette de Andrada (PSDB) concordou que a violência vem crescendo nos últimos anos, em parte pelo sucateamento das forças de segurança do Estado. Finalmente, a deputada Rosângela Reis (Pros) relatou que o Vale do Aço também sente a deficiência estrutural da Polícia Civil. Ela parlamentar citou a falta de coletes, viaturas e outros itens de trabalho básicos.
AC da ALMG
- Estas informações podem ser lidas no Facebook (Ézio Santos e passosmgonline) e devem ser compartilhadas.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

03
07
B
22-
13
09
11
WELLS---160816
05
18
08
24-
15
E
Yama-16.03.14

 

 

 

 

Leia mais

Energia pode ser a mais cara...
BELO HORIZONTE (MG) - Considerada 'perversa', metodologia de revisão tarifária da energia elétrica ensejará um aumento médio nas contas da Cemig de 25,87%. Se a proposta for aprovada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o Estado terá o maior acréscimo dos últimos...
Programa de recuperação de...
CARMO DO RIO CLARO (MG) - Os vereadores aprovaram em primeira deliberação o Projeto de Lei 006/2018 que trata do Programa de Recuperação de Créditos Fiscais (Procrefis). Prevê o parcelamento em até três vezes e descontos no pagamento de juros e multas decorrentes de créditos fiscais vencidos...
Basquete e futsal do CPN...
PASSOS (MG) - O final de semana será movimentado para o basquete e o futsal do Clube Passense de Natação (CPN). Ambas modalidades entram em quadra para jogos da Copa Difusão, em Machado nesta sexta-feira (20), e da Liga Riopardense, em Casa Branca (SP), no domingo (22), respectivamente. O basquete sub-14 (foto), comandado por...
Secretaria faz palestra sobre...
SÃO S. PARAÍSO (MG) - A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agropecuário da Prefeitura de São Sebastião do Paraíso realizou na terça-feira (17), uma palestra com a veterinária Sônia Maria Bueno Rondinelli, especialista com título de mestra e doutora. Ela falou sobre a...
PL proíbe cobrança de...
PASSOS (MG) - A Câmara Municipal de Passos analisa o Projeto de Lei (PL) de autoria do vereador Rodrigo Maia (PP) que dispõe sobre a proibição do corte dos serviços de fornecimento de água e da cobrança de religação, em caso de corte no fornecimento por falta de pagamento em Passos. A...
Renato se reúne com o...
BRASÍLIA (DF) - Nesta quarta-feira (18), o deputado federal passense, Renato Andrade, esteve em reunião com o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, para tratar sobre medidas iniciais para o enfretamento dos ataques as agências bancárias das regiões Sul e Sudoeste de Minas. A primeira...
Pratápolis EC lança...
PRATÁPOLIS (MG) - O Pratápolis Esporte Clube está realizando uma campanha junto à população, principalmente aos desportistas da cidade, para realizar a quitação do débito junto a prefeitura, tendo em vista que não consegue a CND Municipal. Por isso, impossibilita de protocolar projetos...
Concessionária entre...
DIVINÓPOLIS (MG) - A AB Nascentes das Gerais encerra nesta quinta-feira (19), em Divinópolis, a entrega de prêmios aos vencedores do Concurso Mandando Bem no Trânsito, atividade que consta no Plano de Gestão Social (PGS) da concessionária, que visa promover educação para o trânsito nas escolas...
CPN conquista 98 medalhas em...
PASSOS (MG) -  Dias 13 e 14 deste mês, em Poços de Caldas, Sul de Estado, os garotos e garotas da equipe de competição do Clube Passense de Natação (CPN) disputaram o 2o. Torneio Regional Sul de Natação promovido pela Federação Aquática Mineira (FAM). As provas foram...
Prefeitura entregas apostilas...
PASSOS (MG) - O prefeito Renatinho Ourives, juntamente com alguns vereadores e a secretária Municipal de Educação, Zinete Guimarães Rattis, fizeram a entrega de apostilas de educação infantil na Escola Municipal Professora Ângela Aparecida da Silveira. Nas próximas semanas serão entregues em...