OPINIÃO

Glamour, abuso e punição

Por Zair Candido de Oliveira Netto*
No começo da década de 80, o esporte foi a vedete das políticas internacionais, com a Guerra Fria a todo vapor entre a antiga URSS (União das Repúblicas Soviéticas Socialistas) e os EUA (Estados Unidos da América), e foi transformado em uma ferramenta de soberba e disputa entre as nações. Essa disputa pelo poder certamente gera uma competição que extrapola os valores esportivos estabelecidos pelo idealizador dos jogos olímpicos atuais, Barão de Coubetin, que usava o lema "o importante não é vencer, mas competir. E com dignidade" - frase que não foi de sua autoria, mas que se tornou um lema para o esporte competitivo da era moderna. Mas parece que a extinção da antiga URSS e a criação do estado da Rússia não tirou dos governantes o modelo competitivo característico de vencer a qualquer custo.
O controle mundial de fiscalização anti-doping é feito pela WADA (World Anti-Doping Agency), órgão independente e liderado pelo COI (Comitê Olímpico Internacional), e se dá em todas as competições oficiais, como campeonatos mundiais e olimpíadas, além de ações de fiscalização relâmpago em treinamentos e locais onde os atletas vivem. Porém, em nações como a Rússia e a China, esses processos de fiscalização sempre são dificultados, com atletas sendo deslocados para locais de treinamento muito distantes.
A suspensão da equipe nacional da Rússia dos Jogos Olímpicos de Inverno foi a mais dura punição a uma nação em Jogos Olímpicos por causa do doping, e também a mais correta. A verdade é que não podemos mais ficar refém de estruturas governamentais bloqueando e escondendo informações criminosas, doping e crime no esporte. Sabemos ainda que há muita tecnologia a favor da prática e novos desafios para a WADA, como a nova geração de doping genético. Na pirâmide estrutural esportiva que envolve governantes, dirigentes desportivos, treinadores e atletas, cada um deve ter a sua carga de responsabilidade em prol do esporte. Punições como a da Rússia parecem ser apenas o início de uma nova era de controle, já que existem mais situações em processo de fiscalização e não ficaremos surpresos se outras nações forem punidas no futuro, mesmo que de forma retroativa, como aconteceu com alguns atletas russos que tiveram que devolver as medalhas obtidas na Olímpiada de Inverno de Sochi, na Rússia.
Todo o glamour que envolve o esporte, a busca pelo primeiro lugar, fama, retorno financeiro e a promessa de reconhecimento mundial levam entidades e esportistas a cometerem abusos ilegais e a procurarem formas de burlar as legislações vigentes de controle desse tipo de substância. A WADA está em constante evolução para caminhar a frente de laboratórios e pesquisadores que em prol da ciência para o desenvolvimento do esporte, acabam criando novas tecnologias de doping. O fato é que será difícil acreditarmos na quebra de recordes após presenciarmos o que está acontecendo com a Rússia, que sempre foi uma referência mundial no esporte de alto rendimento, mas infelizmente, com a ajuda do doping.
* Écoordenador de Educação Física da Universidade Positivo.
- Toda opinião divulgada neste espaço é de total responsabilidade de quem a emite.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

B
13
15
Yama-16.03.14
09
WELLS---160816
22-
E
07
24-
03

 

 

 

 

Leia mais

Técnicos do Sesc visitam...
SÃO S. PARAÍSO (MG) - Na manhã de terça-feira (16), técnicos do Serviço Social do Comércio de Minas Gerais (Sesc-MG), vieram a São Sebastião do Paraíso para estudar a área da Praça de Esportes Castelo Branco e seu entorno, com a intenção de projetar as...
Quatorze requerimentos...
PASSOS (MG) - A Câmara Municipal de Passos realizou nesta segunda-feira (15) a 34ª Reunião Ordinária do ano. A reunião foi rápida, durando pouco mais de 20 minutos, tendo que ser realizada de forma improvisada devido à falta de energia elétrica no prédio da Câmara. O problema ocorreu na...
Times do CPN estiveram em...
PASSOS (MG) - No último final de semana o Clube Passense de Natação (CPN) foi representado nos interiores de São Paulo e Minas Gerais. O futsal e o vôlei, em dose dupla. Enquanto os meninos sub-9, 13 e 15 foram à Casa Branca (SP) para mais uma rodada da Liga Rio Pardense de Dessportos (Lidarp), a equipe master...
Parque Industrial: Prefeitura...
SÃO S. DO PARAÍSO (MG)- Vinte empresários de São Sebastião do Paraíso participaram na segunda-feira, 15, de uma reunião com o prefeito Walker Américo Oliveira, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ulisses Araújo e a secretária de Meio Ambiente, Yara de Lourdes Sousa...
Acip promove 'Sucesso...
PASSOS (MG) - Dia 26 de outubro a Associação Comercial e Industrial de Passos (Acip) vai entregar o prêmio 'Sucesso Empresarial 2018'. Cinquenta e duas categorias diferentes de empresas serão homenageadas este ano, além do 'empresário do ano' e o 'melhor vendedor' da cidade. O evento vai...
Materiais para grupos...
PASSOS (MG) -  A Prefeitura de Passos celebrou uma especial noite nesta segunda-feira (15), Dia de Santa Tereza, com a participação dos ternos de congos e moçambique no anfiteatro do Palácio da Cultura. Na ocasião, a administração entregou peles, instrumentos e tecidos para fardas que foram adquiridos...
Vagas de emprego disponíveis...
PASSOS (MG) - Confira as vagas de emprego no setor de captação do Sistema Nacional de Emprego (Sine) localizado no posto da Unidade de Atendimento Integrado (UAI) de Passos, na Rua dos Engenheiros, 119, Bairro Belo Horizonte, telefone (35) 3526-5955: Código de Vaga - Ocupação e Observações -...
Passos ganha título no...
PASSOS (MG) – Um dos principais destaques dos times que disputaram a etapa Regional dos Jogos do Interior de Minas Gerais (Jimi) no período de 10 a 14 deste mês em Formiga, na Região Oeste do Estado, foi de basquete masculino de Passos, que se sagrou campeão e ficou com uma das duas vagas para a fase final de 14 a 18 de...
Paraíso comemora 197 anos...
SÃO S. PARAÍSO (MG) - No próximo dia 25 de outubro, o município de São Sebastião do Paraíso completa 197 anos de fundação. Para celebrar a data, a Prefeitura elaborou uma programação com diversos eventos gratuitos com o objetivo de envolver a população. A abertura...
Feriadão sem mortes no...
DIVINÓPOLIS (MG) - O Sistema MG-050/BR-265/BR-491, administrado pela concessionária AB Nascentes das Gerais, recebeu cerca de 185 mil veículos durante o feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida entre os dias 11 e 14 deste mês. Durante os quatro dias do feriado, foram registrados 16 acidentes, com 24 vítimas feridas....