OPINIÃO

Opinião: "Acorda!"

Por Maurílio Romão*
Dia 19 de março de 2014 aconteceu, no prédio da Prefeitura Municipal de Passos, a licitação da  ‘Paixão de Cristo 2014’. Modalidade: Tomada de preço.
Sim, é isso mesmo.  A Paixão de Cristo - espetáculo de tradição de mais de 20 anos na cidade - virou um ‘produto de empreita’ onde a Prefeitura lava as mãos sobre seu destino e delega ao vencedor do menor preço.
O espetáculo em questão é mais (ou deveria ser) que um evento anual, é parte indissociável de nossa cultura, portanto não deveria ser  um objeto de licitação!
‘A Paixão de Cristo’ tem arrastado milhares de centenas de pessoas de Passos e região ao longo dos anos, elevando o nome da cidade e, principalmente, reconstruindo os passos de comunidades, representadas no espetáculo, num ato de fé.
Como licitar o espetáculo que conta, integralmente, com atores da comunidade que não ganham um tostão para fazer o espetáculo? Fazem pelo prazer, pela fé que levam consigo, pela ânsia de dizer algo através da arte. Como rifar a direção, a produção? Quem não vivenciou, culturalmente o espetáculo não sabe os anseios daqueles que se movem o ano todo para fazê-lo acontecer: o elenco!!!
O que a Prefeitura não tem conhecimento é que o elenco é quem faz a ‘Paixão’ acontecer, não é o Poder Público! O poder público – como ele tem atuado - é um mero agente de repasse de recurso, coisa que até o crime organizado poderia fazer – a exemplo das Escolas de Samba.
Não existe o interesse de saber como o todo reverbera nos atores, público e cidade. A Prefeitura ignora o valor antropológico deste espetáculo ao ar livre.
Eu convido o poder público a tomar um pouco de responsabilidade no que acerca o espetáculo, entenda, de uma vez por todas, que ele - o espetáculo - pode crescer muito, crescer mesmo, ser turístico, ser socialmente possível, sem usar o elenco e sumir até o próximo ano.
Aí vem um ou outro desavisado (a) que vai dizer: ‘Está dizendo isso por que vai ter concorrência‘. Prezado (a) Desavisado (a), tenho 20 anos de ‘Paixão’, já fui público, entusiasta, ator, assistente, co-Diretor, Diretor em parceria e Diretor Geral. Eu vivo a Paixão! Já passei por todas as fases da Paixão, conheço além do espetáculo, conheço o que está envolto dele. Cultura não tem concorrência, tem coerência!
 Ano retrasado foi feito um convênio para executar a paixão, ano passado licitação (que uma empresa de fora, que não conhecia o espetáculo e sua realidade. Iam fazer com o grupo da cidade de Guaranésia (MG), de 15 pessoas e trazer uma apresentação pronta!!!).
Imaginem se o  ‘vencedor ‘ da licitação do ano passado fosse a empresa de Guaranésia?  Como ficaria o elenco daqui que espera o ano todo para experienciar o espetáculo, para vivenciar sua fé através dele? Esse ano colocaram no edital que o espetáculo deve ser feito com o ELENCO daqui. Bom, pelo menos me ouviram nesse ponto. Fundamental. 
A licitação não foi resolvida no dia 19, pasmem! Ela será resolvida, com a abertura dos envelopes, dia 28 (sexta-feira) faltando exatamente 15 dias para a produção de um espetáculo de mais de 100 atores e dezenas de profissionais envolvidos, correndo o risco iminente de NÃO ACONTECER por falta de tempo hábil!
Sempre que a PMP através de seu Departamento de Cultura precisa de algo, é assim: “ Fulano, faça isso para o 14 de maio?” ou “Sicrano, apresenta isso para reunião não sei do quê?” ou ainda, “Beltrano, a turma do teatro pode fazer isso ou aquilo voluntário?”
A ‘Paixão’ é o único espetáculo que a prefeitura promove, único que gera emprego direto e indireto para os profissionais do teatro e, justamente nesse espetáculo que querem abrir para outras cidades? E os artistas locais? Aí vem outro (a) desavisado(a): “Pipipi, papapa, que licitação não pode inibir e tarara”. Se quiserem continuar licitando, que seja! Mas com pelo menos com tempo de antecedência. Ouçam, Poços de Caldas só aceita em seu edital para o JulhoFest ou para o Natal de Poços, propostas de ARTISTAS LOCAIS, conseguem fazer isso porque tem Lei Municipal de Cultura que assegura essa conquista aos artistas de lá. 
Quero que sejam artistas que conheçam a estrutura social  do espetáculo, que acrescente na vida pessoal do elenco, que reconheça no espetáculo sua carga cultural.
Durante um tempo quis, realmente, que esse modelo da ‘Paixão’ acabasse, esse modelo de fazer a toque de caixa, rapidinho, para cumprir calendário, sem preocupação estética, sem envolvimento, enfim: acabasse para recomeçar. Hoje ainda penso em reestruturação, mas entendo o porquê a Paixão ficou estática: o poder público  sucateou durante anos e anos e continua sucateando. Não se trata da presente gestão! O descaso vem de várias!
“Mesmo sabendo disso tudo você entrou na licitação?” Sim, entrei! E principalmente por saber disso tudo!
A ‘Paixão’ é minha, é sua, é da comunidade. Enquanto eu puder fazer algo para que ela permaneça, farei. Coisa de apaixonado. 
*Atua como ator em teatro desde 1995, diretor de teatro a partir de 1999, professor de teatro e graduado pela Universidade Federal de Ouro Preto (MG). Trabalhou em mais de 20 espetáculos em Passos, interior Mineiro e Paulista, além de Belo Horizonte, São Paulo e Curitiba.
- Toda opinião expressa neste espaço é de total responsabilidade de quem a emite.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

WELLS---160816
Yama-16.03.14
13
24-
15
07
B
E
03
22-
09

 

 

 

 

Leia mais

Paraíso vai 'proteger'...
SÃO S. PARAÍSO (MG) - O prefeito Walker Américo Oliveira e a vice, Dilma Aparecida de Oliveira, assinaram na tarde desta quinta-feira (21), o projeto de lei que cria em São Sebastião do Paraíso a Rede Municipal de Proteção à Criança e ao Adolescente, envolvendo diversos...
Acip vai homenagear...
PASSOS (MG) - Visando homenagear as empreendedoras passenses e incentivar o empreendedorismo feminino na cidade, a Associação Comercial e Industrial de Passos (Acip) realiza no próximo dia 29 de junho, o 'Mulheres Empreendedoras 2018'. Será o primeiro evento voltado, exclusivamente, para o empreendedorismo feminino. A...
Prefeitura promove...
PASSOS (MG) - A Prefeitura de Passos realiza força-tarefa para garantir a abertura de um trecho interditado da Avenida José Caetano de Andrade há vários anos com o máximo de segurança e tranquilidade. O principal impedimento para esta abertura eram as casas existentes no Jardim Santa Terezinha, região do...
Empresas são homenageadas...
PASSOS (MG) - Uma reunião especial concorrida na noite desta quinta-feira (21), marcou a entrega pela Câmara Municipal de Passos dos diplomas do prêmio Excelência Empresarial. Nesse ano, 11 empresas foram agraciadas coma honraria: Alvorada Pneus, Arte Velha Móveis Rústicos, Bazar Rio Negro, Bolota Lanches,...
Setor sucroenergético é...
BELO HORIZONTE (MG)- A pedido do deputado Antonio Carlos Arantes (PSDB), a Comissão de Agropecuária e Agroindústria da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) debateu nesta quarta-feira (20), a situação econômica do setor sucroenergético no Estado. O objetivo era buscar condições...
Governo entrega 247 veículos...
BELO HORIZONTE (MG) - O governo de Minas Gerais entregou nesta quinta-feira (21), no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, 247 veículos para 202 municípios do Estado. Entre os modelos estão 88 ambulâncias que irão reforçar o atendimento à saúde dos mineiros no interior. Ao todo, foram...
Bicicletas circulando em...
PASSOS (MG) - A Prefeitura de Passos anunciou que, em parceria com a Polícia Militar (PM), vai apreender bicicletas e outros meios de transporte que colocarem em risco o trânsito de pedestres e de automóveis nas ruas e calçadas. A ação será realizada após várias denúncias feitas...
CPN disputa Sul Mineiro de...
PASSOS (MG) - Os garotos do vôlei sub-16 do Clube Passense de Natação (CPN) vão a Três Corações disputar o 1º Festival de Vôlei Mirim, válido pelo Campeonato Sul Mineiro.  A competição é organizada pela Assessoria Regional – AR2 da Liga Esportiva do Sul e...
Vereadores verificam...
CARMO DO RIO CLARO (MG) - Segunda-feira (18), os vereadores Juliano Alves da Silva, o Pão de Queijo, e Sandro Deoclécio de Oliveira, o Sandro Pescador, viajaram no veículo escolar que transporta os alunos para a Escola Municipal do Taquaral. O objetivo foi verificar como se dá o transporte até o citado bairro...
Região: Deputado destinou...
BELO HORIZONTE (MG) - O deputado estadual de Nova Resende, Emídio Madeira, o Emidinho (PSB), entregou, nas últimas duas semanas, entre emendas e indicações, quase R$ 2,5 milhões em veículos para os setores de saúde e educação para diversos municípios da região. De acordo com o...